Novidades

Localização actual:Fundação MacauAgenda de ActividadesInauguração da Exposição de Belas-Artes e Caligrafia de Bian Baohua e Zhu Mingde
“Nova Era‧Nova Jornada”

Inauguração da Exposição de Belas-Artes e Caligrafia de Bian Baohua e Zhu Mingde
“Nova Era‧Nova Jornada”

16/05/2018 11:29:53

A Exposição de Belas-Artes e Caligrafia de Bian Baohua e Zhu Mingde – “Nova Era‧Nova Jornada”, com a organização da Fundação Macau e a colaboração da Beijing Guoqin Zhonghe Desenvolvimento Cultural e Artístico Lda., foi inaugurada em 3 de Maio e exibe mais de 30 obras de belas-artes e caligrafia de Bian Baohua e Zhu Mingde. A organização espera com esta exposição que se promova o desenvolvimento da cultura e das artes tradicionais da China, bem como os intercâmbios culturais e artísticos entre Macau e o Interior da China, de forma a revitalizar o ambiente cultural local e permitir que mais pessoas de Macau possam conhecer e sentir o encanto das obras de belas-artes e caligrafia da China.

A cerimónia de abertura, realizada pelas 18h30 no Salão de Exposição do Clube Militar de Macau, foi presidida por Shao Bin, Director-Geral Adjunto do Departamento de Cultura e Educação do Gabinete de Ligação do Governo Popular Central na RAEM, Zheng Xinyou, Chefe do Gabinete de Relações Externas Públicas e Notícias do Comissariado do Ministério dos Negócios Estrangeiros, Zhong Yi, Vice-Presidente do Conselho de Administração da Fundação Macau, Lok Po, Director do Jornal Ou Mun, Lao Chong Chi, Vice-Director da Televisão de Satélite da Ásia de Macau, Lok Hei, Vice-Presidente da Associação dos Artistas de Belas-Artes de Macau, Xia Kezhen, Directora-Geral da Viagem Guoqin (Grupo), Sou Kam Leong, Vice-Presidente da Associação Cultural e Arte de Chong Fong, Zhu Mingde, um dos artistas desta exposição, e Xie An, a esposa de Bian Baohua.

O famoso pintor, Zhu Mingde, disse no seu discurso que “as obras de pintura exibidas nesta Exposição em Macau têm como tema principal o “peixe” e são pinturas vivas, atraentes e muito expressivas, transmitindo um sentimento de beleza aos visitantes”. Ao longo de treze anos de trabalho no Departamento de Pesca em Pequim, após uma mudança na sua carreira, o artista prestou muita atenção aos estudos sobre peixes e a cultura do pescado, pintando peixes de forma livre a partir de uma expectativa única. O peixe de tinta é portador de uma expressão de sentimentos sobre a vida em sociedade e o autor adora, especificamente, pintar peixes, considerando a pintura como uma algo muito importante na sua vida. Através do desenho de peixes, Zhu mostra a paixão pela vida e, ao mesmo tempo, transmite a sua filosofia de vida e não  importa quantas dificuldades se encontram pela vida fora, desde que se saiba enfrentar os desaires com energia para chegar ao sucesso. Deste modo, espera estimular as pessoas a serem optimistas através das pinturas.

Bian Baohua é membro da Associação de Calígrafos da China, membro da Presidência e Secretário-Geral Adjunto Executivo da Associação de Calígrafos dos Órgãos Centrais do Estado, Vice-Presidente da Associação de Investigação da Arte de Grandes Caracteres da China e Vice-Presidente da Associação de Calígrafos e Pintores da China. Foi aluno de Tong Wei e Li Duo e é excelente em escrita cursiva e escrita oficial. As suas obras de caligrafia já participaram em várias exposições e ganharam o prémio finalista do Concurso Nacional de Caligrafias da TV da “2ª edição da Copa do Grupo Xinghuacun Fenjiu”. As suas obras têm um estilo vigoroso, pesado, forte mas sedutor pela sua beleza. O artista usa o pincel e tinta para expressar a atmosfera de uma nova era.

A Exposição foi patente ao público até 7 de Maio, todos os dias das 11h00 às 19h00, no Salão de Exposição do Clube Militar de Macau.